Notícias

24/07/2020

Governador anuncia novo secretário de Infraestrutura e Mobilidade

Nota emitida pelo Governo do Estado nesta sexta-feira, 24/07/2020:

O governador Romeu Zema lamenta a saída e agradece os relevantes serviços prestados pelo secretário Marco Aurélio Barcelos, que pediu para ser exonerado do cargo por motivos pessoais. No período que passou à frente da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Mobilidade (Seinfra), Minas Gerais viu avançar importantes projetos, como o Programa de Concessões Rodoviárias e o projeto de concessão do Rodoanel da Região Metropolitana de Belo Horizonte. O governador reitera o elevado respeito pelo trabalho e profissionalismo do secretário Marco Aurélio e deseja sucesso.

O novo secretário será Fernando Marcato, que reúne todos os atributos necessários para dar continuidade à agenda de infraestrutura no Estado de Minas Gerais. Fernando é especialista na estruturação de projetos de infraestrutura no Brasil e no exterior, professor da FGV Direito SP e Mestre em Direito Público pela Universidade de Paris 1. A publicação no Diário Oficial será efetivada nos próximos dias.

Leia, abaixo, o comunicado escrito pelo secretário Marco Aurélio Barcelos:

Queridos amigos e colegas, 

Após 19 meses à frente da Secretaria de Infraestrutura e Mobilidade – SEINFRA, venho comunicar o encerramento do meu ciclo no Governo do Estado de Minas Gerais. Esta é uma decisão muito refletida, comunicada ao Governador Romeu Zema há algumas semanas. Tendo completado mais de 16 anos no setor público, sigo para a iniciativa privada e para projetos acadêmicos que suspendi com a mudança para Belo Horizonte.

Apesar das adversidades para a retomada de obras e investimentos, com o contexto fiscal vivenciado no Estado, a equipe da SEINFRA trabalhou arduamente em todos esses meses para criar uma agenda próspera de projetos de infraestrutura. Os programas de concessões e PPPs anunciados estão em fase avançada de estruturação, com consultores trabalhando na montagem dos editais de licitação e nas minutas dos futuros contratos de parceria com o setor privado. Já temos seis lotes de rodovias em modelagem pelo BNDES, e outro pelo BDMG, em conjunto com o Banco Interamericano de Desenvolvimento – BID. O novo Rodoanel Metropolitano de BH também está em fase adiantada de estudos, com alguns dos melhores consultores do Brasil. Esses projetos têm licitações previstas para 2021, e logo as consultas públicas serão abertas, para que todos possam conhecer os detalhes e contribuir com melhorias em cada um deles. Milhares de empregos serão gerados e R$ 16 bilhões serão investidos só com essas iniciativas. 

Em outras frentes, em conjunto com a Assembleia Legislativa de Minas Gerais, e com o apoio da Associação Nacional dos Transportadores Ferroviários (ANTF) e da Fundação Dom Cabral, criamos o Plano Estratégico Ferroviário – PEF. Os resultados desse projeto ficarão prontos até o final deste ano, e será possível identificar uma carteira de investimentos factível em novos trens de carga e de passageiros. Também lançamos o Procedimento de Manifestação de Interesses para a concessão do Aeroporto da Pampulha, que teve inscrição de sete atores interessados em apresentar alternativas de exploração econômica para aquele empreendimento. Avançamos, por fim, nas negociações para o Metrô da RMBH por meio do diálogo com o Governo Federal, tendo hoje o compromisso sedimentado de recursos suficientes para a criação da Linha 2. 

Em janeiro de 2019, todos esses projetos eram apenas sonhos e pareciam estar em um horizonte bem distante. Agora, eles somam meses de trabalho e vêm chamando a atenção de investidores nacionais e estrangeiros. Em breve, mais do que projetos, tudo isso se incorporará ao legado deste Governo, inaugurando um novo cenário para a infraestrutura do Estado. 

É claro que, até aqui, o que se fez só foi possível porque vários colegas, entre secretários e os demais gestores públicos de tantas secretarias, dedicaram-se com muito afinco aos passos da caminhada. Mas, sobre todos, os servidores da Secretaria de Infraestrutura e Mobilidade e do Departamento de Edificações e Estradas de Rodagem de Minas Gerais – DER-MG merecem meu reconhecimento e profundo agradecimento. Foi uma honra e uma alegria trabalhar e aprender diariamente com pessoas tão engajadas, preparadas e especiais.  

Para garantir a continuidade das ações da SEINFRA e os resultados que seguirão em breve, é uma satisfação poder dar as boas-vindas a um querido colega, o professor da Fundação Getúlio Vargas – FGV, Fernando Marcato. Fernando foi escolhido reúne todas as credenciais para o cargo de secretário. Nos próximos dias, ambos trabalharemos intensamente para que a transição ocorra da forma mais adequada e amena. 

Ainda que de longe, farei questão de sempre acompanhar, com carinho, as conquistas que o Governo de Minas Gerais alcançará nos anos vindouros, fruto do trabalho de gente muito honesta e qualificada. Deixo o testemunho de que o Governador Romeu Zema carrega consigo as virtudes que refletem o que há de melhor no povo mineiro: a humildade, a sabedoria e a capacidade de dialogar. Estou convencido de que Minas encontrou novamente os seus trilhos. E que tem tudo para dar certo!

Marco Aurélio Barcelos

Crédito da foto: Marco Evangelista / Imprensa MG